Produto Orgânico Dá Dinheiro?

Produto orgânico dá dinheiro?

Todo mundo já deve ter ouvido que os produtos orgânicos trás excelentes benefícios para a saúde, além de serem livres de agrotóxicos.

Seus benefícios anexam dois fatores negativos que dificultam um maior crescimento do segmento.

Esse dois fatores são a alta dos preços e a baixa oferta de variedades durante o ano.

Mas será que vender produto orgânico dá dinheiro?

Vamos abaixo acompanhar um pouquinho desse mundo saudável dos orgânicos.

 

O Que É Alimento Orgânico

 

Os alimentos orgânicos são produtos livres de agrotóxicos e defensivos químicos. Entretanto, não bastam apenas serem isentos de agrotóxicos e adubos minerais solúveis, há outros fatores à serem seguidos em toda a cadeia produtiva.

 De certo, o sistema produtivo precisa ser em um todo respeitado rigorosamente da forma mais natural possível.

O agricultor orgânico sendo peça fundamental para o desenvolvimento dessa cadeia produtiva,  precisa cuidar do preparo da terra para o plantio, até a colheita, preservando os recursos naturais ambientais e sociais.

Cultivar o sistema orgânico é muito mais difícil do que o sistema convencional, uma vez que, os agricultores orgânicos precisam trabalhar com uma diversidade plantas e flores, afim de equilibrar sua propriedade e melhorar a produção.

A especialização das plantas, da água e no manejo do solo, vai favorecer a produção agrícola e controlar as pragas de diversas doenças.

 

Vantagens Dos Produtos Orgânicos

 

No Brasil, o comércio de orgânicos cresce de 15% a 20% ao ano.

A preocupação com a saúde no século XXI, tem impulsionado o aumento do público consumidor a mudar seus hábitos alimentares e começar a procurar produtos naturais e mais saudáveis.

Produto orgânico dá dinheiro?

Produto orgânico dá dinheiro?

Os alimentos orgânicos são mais nutritivos do que os convencionais.

Sobretudo, só o fato de não conter agrotóxicos, já é grande vantagem de não trazer consigo as toxinas e venenos do cultivo. 

Outro diferencial importante no produto orgânico, está no aroma e no sabor. Por se tratar de um cultivo natural, são muito mais saborosos e de cores intensas.

Todavia, o aspecto dos produtos orgânicos no geral, são de calibres menores e com formatos mais deformados do que os convencionais. Alguns aparentam ser bem feios e opacos.

 

Desvantagens Dos Produtos Orgânicos

 

 Em primeiro lugar, os produtos orgânicos, são mais caros do que os convencionais devido ao tipo de cultivo, ou seja, a monocultura ou agricultura familiar que demanda muito mais tempo para a colheita do que os convencionais.

O segundo fator é a mão-de-obra. Na agricultura orgânica, ela é mais usada do que a agricultura convencional, encarecendo o custo do produto.

O Terceiro fator, é a competitividade dos agricultores convencionais em períodos de safra.

Os grandes agricultores convencionais os que produzem grandes quantidades, podem até vender seus produtos abaixo do custo, afim de aproveitar a oferta e escoar os produtos no mercado não tendo percas.

Por último, alguns varejistas praticam margens altíssimas nos produtos orgânicos, uma vez que sabem que esses produtos são consumidos por um público que pré-dispõem a compra-los.

 

Como Saber Se O Produto Realmente É Orgânico?

 

No Brasil, existem várias associações que certificam os agricultores que se enquadram no cultivo de orgânico.

As associações avaliam que, pelo menos 95% da matéria-prima deve ser orgânica na cadeia produtiva.

Outros fatores indispensáveis como o cultivo dos recursos naturais, por exemplo, também são avaliados.

Portanto, com esses requisitos, todo produto orgânico deve levar um selo de certificação de produto orgânico que prova sua origem orgânica.

Assim sendo, outra dica importante para o consumidor é conhecer e saber quem é o produtor orgânico e se realmente ele prática uma agricultura sustentável.

 

 

 

 

Produto Orgânico Dá Dinheiro?

 

Para quem está no ramo

Sem sombra de dúvidas, os produtos orgânicos trazem uma rentabilidade maior para todos que optam à trabalhar com essa classe de produtos.

É claro que o varejista, tem a necessidade de divulgar e estudar as melhores formas para promover as vendas.

Por exemplo:

Explorar técnicas de exposição e layout, agregando outros produtos de outros departamentos de orgânicos, de certo, facilitará a venda casada e consequentemente a vida do cliente.

Certamente no varejo, os produtos orgânicos são diferenciais que conquistam um público conscientizado a levar uma alimentação saudável.

A seguir, vamos acompanhar algumas estratégias para quem deseja trabalhar com produtos orgânicos no hortifruti.

produto orgânico dá dinheiro

Produto Orgânico dá dinheiro?

  • Desenvolva bons fornecedores (produtores), principalmente da sua região de atuação. Visite sua produção e conheça a idoneidade do negócio;
  • Comece com as hortaliças mais consumidas. Alface, cheiro verde, rúcula, agrião e couve.
  • Reserve um espaço indicado e ilustrado. Sinalizando que os produtos são todos orgânicos. Evite que eles se misturem com os convencionais;
  • Se possível, divulgue os benefícios dos produtos orgânicos através de folhetos, orientações e esclarecimentos para os que não conhecem os orgânicos.
  • Faça parcerias com os produtores, os convidando para exposições e explicações na loja.
  • Promova uma palestra explicativa à um comitê de clientes.

 

Para Quem Não Está No Ramo E Deseja Trabalhar Com Orgânicos

 

Caso você seja um simpatizante por produtos naturais e deseja montar um próprio negócio de produtos naturais e orgânicos, 4 dicas importantes.

Vejamos a seguir:

# 1 – Procure um bom fornecedor

Procure um produtor ou fornecedor que tenha o certificado de produtor orgânico e conheça sua produção, tenha certeza de que os produtos são realmente de origem orgânica.

#2 – Feiras em condomínios ou eventos

As feiras em condomínios estão cada vez mais se expandindo e crescendo em todo o Brasil.

Seguindo as dicas deixado aos os varejistas, inicie com a venda de hortaliças mais consumidas.

Crie um público fiel e conheça seus hábitos e preferências.

Seu volume de venda não deverá ser tão grande, mas a sua clientela será uma clientela selecionada e pré disposta a gastar boas quantias.

Seja constante mostrando aos seus clientes a disponibilização de produtos.

#3 – Distribuidor e representação

Geralmente, alguns produtores orgânicos não possuem a estrutura para a distribuição de seus produtos.

Como a cadeia de produtos orgânicos não exige tantos atravessadores, é comum alguns produtores orgânicos necessitarem de representação de vendas em supermercados e hortifrutis.

Portanto aí entra sua mão-de-obra servindo de canal entre o produtor e o supermercado.

#4 – Site de produtos orgânicos

Similarmente venho comentando na maioria dos meus artigos sobre a crescente expansão do mundo digital.

Todo empreendedor não pode deixar de fora esse canal de venda, ou seja, é imprescindível explorar mais essa ferramenta.

Partindo desse princípio, o empreendedor pode criar um site ou aplicativo de produtos orgânicos distribuídos em forma de delivery.

Entretanto, não esqueça de mensurar as regiões atendidas no delivery.

Gostou das dicas ?

Espero ter ajudado, Abraços.

Comentar com o Facebook

Comentário